Crônicas e Afins: Consumindo o Tempo


download

Nunca me calei. Eu me comunico com você o tempo inteiro.

Por músicas, abrindo meu coração em textos, indicando leituras, quadros, semeando sentimentos.

Não é segredo. Não faço mistérios. A linguagem é permeada dos símbolos que nos habitam desde o sempre.

Apenas aproxime-se: esse fogo que arde, a violência que serpenteia,  as contradições, o pacote completo do desejo.

Sou como uma esfinge que não se importa: decifrando-me ou não; eu te devoro. 

________________________

Manuel Sanchez , “Consumindo o Tempo”

 

Anúncios

Gostou? Tem uma opinião diferente? Fale conosco e deixe seu feedback

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s