Carl Sagan e os limites da comunicação 


Hoje em dia nós nos comunicamos — rotineira, casualmente, sem nem pensar duas vezes — à velocidade da luz. Da velocidade do cavalo e barco a vela para a velocidade da luz é um melhoramento multiplicado por um fator de quase 100 milhões. Por razões fundamentais no âmago do funcionamento do mundo, codificado na teoria especial da relatividade de Einstein, sabemos que não há como enviar informações a uma velocidade mais rápida que a da luz. Em um século, alcançamos o limite de velocidade máximo. A tecnologia é tão poderosa, suas implicações tão importantes, que evidentemente nossas sociedades não acompanharam o progresso.

– Bilhões e bilhões, Carl Sagan

Anúncios

Gostou? Tem uma opinião diferente? Fale conosco e deixe seu feedback

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s