Reflexões ao volante: mudanças 


Não há problema algum em mudar. Mudar de visão, de opinião, de objeto do seu interesse ou alvo do seu tesão.

É pura ilusão acreditar que você e aqueles que o cercam não mudarão. Prender-se às lembranças estáticas de antigos interesses, amizades que se esvaneceram ou de ex eternos amores não é apenas imaturo. É uma porta aberta para um maremoto de decepções. 

Cabe a cada um decidir se na nova dinâmica de afetos os vínculos serão renovados ou extintos. Mas sabendo que os afetos se movimentam e amadurecerem. Votos não são estáticos. Promessas não são eternas. Carinhos não perduram sem cuidados no vento.

Mudamos. E os afetos e interesses amadurecem, alguns florescem. Outros apodrecem.

– Manuel Sanchez

 

Anúncios

Autor: Manuel Sanchez

Leitor compulsivo, amante das viagens e da boa mesa. Sou um sujeito que acredita no charme da simplicidade, que riqueza é ter tempo e que se esforça para passar longe da vulgaridade.

Gostou? Tem uma opinião diferente? Fale conosco e deixe seu feedback

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s