Nietzsche e Freud em lições sobre o inconsciente


Nietzsche preparou todo o arcabouço teórico sobre o inconsciente. Mas ao seu estilo próprio , usou de textos curtos, aforismos e insights para descrever a analogia entre o nosso consciente e o inconsciente: o primeiro seria apenas um pequeno facho de luz em um  oceano turbulento irrigado por estímulos e ideias que nos moldam sem que percebamos. Somos menos racionais do que nos gabamos. E nosso suposto livre arbítrio pode ser apenas a justificação de decisões que já tomamos em um plano inconsciente.

Freud partiu deste ponto e passou a estudar o assunto colocando-o à prova em centenas de casos clínicos, descrevendo seus atendimentos em artigos e livros. Suas observações e teorias de como funcionava a relação do inconsciente com o consciente e as pulsões daí resultantes deram origem à psicanálise.

-Manuel Sanchez 

Anúncios

Autor: Manuel Sanchez

Leitor compulsivo, amante das viagens e da boa mesa. Sou um sujeito que acredita no charme da simplicidade, que riqueza é ter tempo e que se esforça para passar longe da vulgaridade.

Gostou? Tem uma opinião diferente? Fale conosco e deixe seu feedback

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s