Bukowski : sem chance de ajuda

image

SEM CHANCE DE AJUDA

há um lugar no coração que
nunca será preenchido
um espaço
e mesmo nos
melhores momentos
e
nos melhores
tempos
nós saberemos
nós saberemos
mais que
nunca
há um lugar no coração que
nunca será preenchido
e
nós iremos esperar
e
esperar
nesse
lugar.

Bukowski,  no livro “Essa loucura roubada que não desejo a ninguém a não ser a mim mesmo amém”.

Poesia na Vida: Bukowski, coisas de casal

11403330_494694484042357_169347685646516036_n

“Beijando-me e Levando-me para longe” – Bukowski

Não importa o quanto eu queira fugir, fingir que não mexe comigo, fazer-me de distante… abro um livro e BUM! lá vem o velho Buck certeiro no peito.  

Como eu já disse antes, são as sincronicidades…

 

Grandes Frases, Grandes Livros: Bukowski, sobre a Morte

280862_Papel-de-Parede-Anjo-e-Morte-Jogando-Cartas_1440x900

“Não há nada a lamentar sobre a morte,
assim como não há nada a lamentar
sobre o crescimento de uma flor.
O que é terrível não é a morte, mas as vidas
que as pessoas levam ou não levam até a sua morte.
Não reverenciam suas próprias vidas,
mijam em suas vidas.
As pessoas as cagam. Idiotas fodidos.
Concentram-se demais em foder, cinema, dinheiro,
família, foder.
Suas mentes estão cheias de algodão.
Engolem Deus sem pensar, engolem o país sem pensar. Esquecem logo como pensar, deixam que os
outros pensem por elas.
Seus cérebros estão entupidos de algodão.
São feios, falam feio, caminham feio.
Toque para elas a maior música de todos os tempos
e elas não conseguem ouvi-la.
A maioria das mortes das pessoas é uma empulhação.
Não sobra nada para morrer.”

(Bukowski)